quarta-feira, 2 de março de 2011

Este ano vou... #5

...(6) Decorar a casa.




Resume-se tudo a isso: umas pinceladas aqui e ali, uma grande dose de imaginação e toda a ajuda possível, tanto a arregaçar as mangas como a dar palpites.
Uma casa é um santuário, o templo onde começamos o dia e onde encerramos, entre paredes e tectos, aquilo de que somos feitos: as emoções, as frustrações, o cansaço, as alegrias, as vitórias, as lágrimas e o sono descansado.
A casa onde vivemos é mais nossa do que de qualquer outra pessoa, reflecte o que somos e transforma-se à medida que nos transformamos. Na nossa casa, como na nossa vida, entra apenas quem mais desejamos. Essas pessoas, só por o serem, ganham o privilégio de participar activamente na sua evolução. Porque não somos ilhas contornadas por rochedos. Somos penínsulas.

Sem comentários:

Enviar um comentário